Os gastos que as candidaturas autárquicas a Albufeira contam fazer

pub

Se as previsões forem cumpridas, a campanha eleitoral autárquica em Albufeira vai custar pouco mais de 100 mil euros (103.172 euros).

Esta é a soma dos orçamentos de campanha das candidaturas que concorrem aos diversos órgãos autárquicos do concelho, disponibilizados no site da Entidade das Contas e Financiamentos Políticos.

A candidatura do PSD, que procura ‘dar’ mais um mandato a Carlos Sousa e Silva, prevê gastar 39.258 euros, enquanto que a do PS, que apresenta Ricardo Clemente, declara um orçamento de 30.533 euros.

A seguir surge a Coligação Democrática Unitária (CDU), que conta com Maria Manuela Jorge como candidata a presidente da Câmara, com um orçamento de 13 mil euros.

O movimento VIVA, liderado pela actual vereadora Ana Vidigal, declara querer gastar 7.600 euros. No entanto, ainda não é certo que esta candidatura acabe mesmo por se apresentar aos eleitores locais, uma vez que, segundo comunicado que emitiu, o movimento viu rejeitada a sua candidatura pelo Tribunal, decisão da qual assumiu ir recorrer.

Muito próximos, em termos de valores, são os orçamentos de duas outras candidaturas. A da coligação CDS, MPT e PPM, liderada por Jorge Loureiro, tem para gastar 6.000 euros e a do Bloco de Esquerda que lança Sandra Costa, 5.916 euros.

A campanha mais económica das candidaturas que se apresentam no concelho de Albufeira é a do PAN, que protagonizada por Isabel Machadinho, que apenas prevê gastar 865 euros.

  Leia também:

Campanha eleitoral em Portimão custa mais de 100 mil euros

Campanha eleitoral algarvia custa 1,4 milhões de euros

Aqui se faz a campanha eleitoral mais cara do Algarve

(Visited 373 times, 1 visits today)
pub
pub

pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.