Adelino Soares agradece a “todos os que me criaram muitas dificuldades”

pub
pub
pub
pub

Foi uma situação, provavelmente, inédita, a que se viveu, esta Quinta-feira, 19 de Outubro, na sessão de tomada de posse dos autarcas eleitos para a Assembleia Municipal e Câmara de Vila do Bispo.

O evento devia ter sido conduzido pelo presidente cessante da Assembleia, Nuno Amado, que, contudo, não compareceu no auditório da Centro Cultural da localidade, onde a cerimónia decorreu. A sessão acabou por ser presidida por Ana Bela Martins, a nº1 da lista mais votada (PS) nas eleições de 1 de Outubro, para aquele órgão.

Na sua intervenção, o reeleito presidente da Câmara, Adelino Soares, fez questão de “agradecer a todos os que me criaram muitas dificuldades ao longo dos dois últimos anos.” É que, justificou, “graças a eles, hoje sou um político muito mais seguro, muito mais capaz, muito mais disponível para aquilo que é o trabalho em prol da comunidade e conhecido e reconhecido, a nível nacional”.

Fazendo um breve balanço do trabalho desenvolvido, destacou o facto de Vila do Bispo ser o concelho do país “com menor taxa de desemprego”. Lembrou, também, que o município que dirige é um dos melhor classificados no índice de transparência e que tem recebido vários prémios de âmbito nacional, ao longo dos últimos anos, por diversos projectos e iniciativas que promove.

Na sua intervenção, Adelino Soares destacou o feito recentemente conseguido por uma atleta da terra, que tem sido apoiada pela Câmara. Trata-se de Joana Schenker, que, no passado dia 8, se sagrou campeã mundial de Bodyboard.

Nos próximos anos, o autarca promete dar continuidade ao trabalho feito até agora, que considera muito positivo, no sentido de “projectar ainda mais o nosso concelho para um futuro melhor”.

Adelino Soares tem condições políticas para conseguir um último mandato tranquilo, uma vez que conta com maioria absoluta na Câmara e na Assembleia Municipal. O autarca socialista tem a seu lado, no executivo municipal, três vereadores eleitos nas listas do PS (Rute Silva, Fernando Santana e Armindo Vicente) e um pela coligação PSD/CDS/MPT/PPM (Afonso Nascimento).

Para a Assembleia Municipal, os socialistas elegeram 9 elementos: Ana Bela Martins, António José Batista, Gilberto Furtado, Anabela Pereira, José Luís Mateus, Carlos Santos, Anabela Franco, Paulo Boto e Emanuel Mariano.

A coligação PSD/CDS/MPT/PPM fica representada por 4 deputados municipais: Fernando Gonçalves, Maria José Lourenço, Nuno Amado e Rafaela Leal da Costa. Pelo Bloco de Esquerda foram eleitos David Correia e Rui Carriço.

Por inerência, fazem ainda parte da Assembleia Municipal os presidentes das Juntas de Freguesia: Alberto Encarnação (Barão de São Miguel), Fábio Mateus (Budens), Luís Miguel Paixão (Sagres) e Dino Lourenço (Vila do Bispo e Raposeira).

Como é da praxe, após a cerimónia de tomada de posse, aquele órgão realizou a sua primeira sessão, no decorrer da qual foi eleita Ana Bela Martins como presidente da Mesa e António José Batista e Anabela Franco como secretários.

 

  Leia também:

257 ofertas de emprego para o Algarve

PSP de radar em punho

Vem aí a Feira de Santa Iria

(Visited 240 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub
pub
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.