Três acusados de extorsão, ameaças e auxílio à imigração ilegal

O Ministério Público (MP) da secção de Silves do Departamento de Investigação a Acção Penal (DIAP) de Faro deduziu acusação para julgamento por tribunal colectivo contra três pessoas, que são acusadas da prática de crimes de auxílio à imigração ilegal, extorsão, ameaça e ofensa à integridade física qualificada tentada.

Os arguidos têm idades compreendidas entre os 31 e os 51 anos de idade e são de nacionalidade indiana.

De acordo com a acusação, “os três arguidos exigiam aos ofendidos, também originários da Índia e de países vizinhos, quantias entre os 1.500 e os 2.000 euros. Em troca,  prometiam agilizar a legalização das vítimas junto do Serviço e Estrangeiros e Fronteiras bem como emprego e um lugar para residirem”.

Nalgumas ocasiões, alguns dos acusados “exigiram o pagamento dessas quantias através de ameaças dirigidas às vítimas ou às suas famílias”.

O MP requereu também que a um dos arguidos fosse aplicada a sanção acessória de expulsão de Portugal.

Leia também:

Eleições no Clube Naval de Portimão interrompidas por “suspeitas de graves irregularidades”

Lista B contra interrupção das eleições no Clube Naval de Portimão

Câmara de Portimão ganha processo de milhões de euros

(Visited 148 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.