Suspeito de assassínio de idoso fica em prisão preventiva

Ficou em prisão preventiva o homem suspeito de ter assassinado um idoso, no concelho de S. Brás de Alportel.

Uma mulher, alegadamente sua cúmplice, ficou sujeita à obrigação de apresentação periódica no posto policial e a proibição de sair do concelho da sua residência. O casal tinha sido detido, ontem, pela Polícia Judiciária.

O Ministério Público de Faro informa que o detido é suspeito de, “na noite de 17 para 18 de setembro de 2018, em São Brás de Alportel, ter entrado em casa da vítima, um homem de 70 anos de idade, ter ido ao seu quarto, onde ainda estava deitada, e ter-lhe batido com um instrumento ainda não determinado até a matar”.

Por forma a não vir a ser identificado, “o arguido terá despejado álcool sobre a cama da vítima, ateado fogo a uns papeis, aberto os bicos de gás do fogão e acendido uma vela. Depois, levou consigo os valores que encontrou na casa”.

A mulher é suspeita de instigação de crime de furto.

  Leia também:

Idosa morre em incêndio

Militar da GNR acusado de ficar com dinheiro de multas

Operações da PSP com radar

(Visited 96 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub