Loulé avança com obra de 1,3 milhões de euros

pub

Realiza-se esta terça-feira, 3 de março, pelas 12h30, a assinatura do auto de consignação da obra de musealização dos Banhos Islâmicos de Loulé, seguindo-se o arranque dos trabalhos.

Trata-se de um projeto de valorização deste complexo balnear, quer a nível patrimonial, quer a nível turístico, que pretende dar a conhecer à comunidade e a todos os que visitam a cidade um dos edifícios de banhos islâmicos mais completos no panorama da arqueologia da Península Ibérica e que é único no contexto nacional.

A intervenção que aqui irá decorrer será realizada dentro da “Casa das Bicas”, e o projeto pretende levar a cabo a valorização dos vestígios arqueológicos dos banhos islâmicos, da casa nobre do final do século XV e da muralha medieval e moderna, tornando, inclusive, o torreão aí existente visível do lado das Bicas Velhas.

Este projeto conta com a colaboração do Campo Arqueológico de Mértola que realizou as escavações arqueológicas do complexo desde 2016, assim como da Universidade do Algarve que estudou o paço quatrocentista.

Esta empreitada terá um custo de 1,3 milhões de euros e um prazo de execução de 730 dias.

LEIA TAMBÉM:

As cabines públicas de Portimão que salvam vidas

A polémica demissão do comandante dos Bombeiros de Lagos

Homem morre em despiste

(Visited 355 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub