Não, dr. André Almeida, não é o fim do ano turístico algarvio

Veja aqui todas as fotos do dia

Um dos protagonistas principais desta crise dos combustíveis tem sido o porta-voz do sindicato, que se desdobra em declarações bombásticas que, provavelmente, estão a levar os trabalhadores para um beco sem saída.

Mas, do lado contrário, o homem que dá a cara pelos patrões, o advogado André Almeida, também parece estar a fazer o possível para não lhe ficar atrás.

Exemplo disso foram as declarações prestadas na 2ª feira à noite – ainda se estava no primeiro dia de greve – numa estação televisiva, ao falar do impacto do não cumprimento, ao longo da tarde, dos serviços mínimos em relação ao Algarve.

André Almeida não esteve com meias-medidas e, de imediato, garantiu, e cito, que essa circunstância era “o fim do ano turístico” na região.

Já se passaram alguns dias e, afinal, a previsão catastrofista não se confirmou nem vai confirmar-se. Há problemas, mas continuamos a ter hotéis, praias e restaurantes abertos e muitos turistas por cá.

E, de certeza absoluta, que isso continuará a acontecer quando, depois da greve terminar, o dr. André Almeida precisar de meter férias e, como muitos outros portugueses, escolher o Algarve para descansar.

(J.E.)

LEIA TAMBÉM:

“O nosso objetivo é, no prazo de 2 ou 3 anos, estarmos a faturar 100 milhões de euros”

“Estou disponível para ser candidato nas próximas autárquicas”

EN 125 a Património da Humanidade


OS NOSSOS VÍDEOS

(Visited 559 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub