Loulé ‘ataca’ o mercado francês

Esta 2ª feira, a Câmara de Loulé recebeu uma delegação da cidade francesa de Créteil e firmou um acordo de cooperação com Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa que, diz o presidente da autarquia, Vítor Aleixo, vai facilitar a vida dos empresários louletanos que queiram entrar no mercado francês.

Leia todas as mini entrevistas aqui

Que expectativas tem em relação aos contactos e acordos hoje firmados?

Espero que tenhamos formalizado um acordo com grande futuro na área da cooperação, no que diz respeito à investigação das biociências.

Apresentámos à delegação francesa, constituída por autarcas, investigadores e empresários franceses nesta área, responsáveis do Instituto Francês do Sangue, responsáveis universitários e autoridades da parte similar francesa do Infarmed, o nosso projeto Algarve Biomedical Center que vai, seguramente, abrir um capítulo novo na economia da região do Algarve, no que diz respeito à inovação e ao conhecimento.

Foi, também, firmado um acordo com a Câmara de Comércio e Indústria Luso-Francesa. Qual é o seu objetivo?

Trata-se de um acordo muito importante que dá a possibilidade de as empresas francesas interessadas em investir no concelho e as de Loulé que pretendam entrar em França terem interlocutores locais que as ajudem e facilitem esse processo.

Há empresas do concelho que lhe têm dito querer entrar no mercado francês?

Sabemos que há empresas do concelho que se internacionalizaram, que estão a exportar os seus serviços e produtos. No que diz respeito ao mercado francês, isso tem passado muito pelos salões imobiliários que são realizados naquele país.

Eu próprio já participei em dois, acompanhando empresas de Loulé, cumprindo o meu papel institucional de estar ao lado dos empresários locais.

No imobiliário, portanto, essa ligação tem dado frutos, noutros setores existem alguns contactos exploratórios, julgo que há intenções e  conversações que podem, se as coisas correrem bem, materializar-se em acordos de investimento importantes para a economia do concelho e da região.

 

 

LEIA TAMBÉM:

“Assumimos a saúde como primeira prioridade”

Cristóvão Norte não se mete na guerra interna do PSD: “Eles que tratem lá dessas coisas”

Proposta de abolição das portagens será a primeira iniciativa do deputado do Bloco de Esquerda

 

(Visited 441 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub